Olá! Sou a Nathália Ferreira. Criei esse blog para mostrar um pouco do que gosto, como: fotografia, decoração, filmes, livros, seriados, músicas e várias outras coisas que vocês verão com o tempo. Futura designer de interiores e/ou fotógrafa. SEJAM TODOS BEM - VINDOS.




Facebook

Pesquisar

Instagram

Veja Também!



Especial dia dos namorados: Histórias de amor



 História de amor de Claudia  e Kevin 
Nós nos envolvemos no aniversário de um amigo, já havíamos conversado umas três ou quatro vezes, mas nunca foi um papo produtivo. Nesse dia eu estava com problemas com meus pais e havia acabado de levar um "pé" na bunda  do cara que eu estava ficando, acabei exagerando um pouco na bebida, e como não sou acostumada com álcool, passei um pouco mal, e mesmo que não nos conheceremos muito bem, ele acabou cuidando de mim, desabafei com ele, contei sobre meus problemas e ele, mais tarde depois de ficar bem, acabamos ficando, imaginei que não aconteceria mais nada depois, mas como somos da mesma escola, ficávamos juntos nos intervalos, e fomos criando um carinho muito forte um pelo outro e acabou se transformando em amor.
Quando fizemos seis meses, era dezembro, e eu comecei um trabalho de verão no Shopping, e isso acabou atrapalhando nosso namoro, por causa do ciumes acabei terminando, ele pediu pra voltar varias vezes, mas por medo acabei esnobando ele, ele acabou ficando com uma menina o que me deixou muito mal, então por uma mistura de raiva e tristeza fiquei com um cara também, mas acabei ficando pior, como ele é modelo  começou a trabalhar em frente a loja que eu trabalhava, ficamos algumas vezes, mas não voltamos, depois de dois meses voltamos sério, provei que o amava e não queria mais ficar sem ele. Dia nove desse mês de junho fazemos um ano juntos, planejamos nosso futuro juntos, já temos até nomes dos nossos filhos, e ele com certeza é meu melhor amigo, jogamos vídeo game juntos, eu cozinho pra ele e sempre estamos nos zoando, lógicos que brigamos as vezes mas as reconciliações sempre vale a pena, e hoje eu tenho mais que certeza que eu o amo incondicionalmente. 


História de amor de  Laysa e Hélio 
Sempre fui uma pessoa extremamente tímida, e com certeza a internet me ajudou a melhorar isso. Por ser essa pessoa introvertida, única forma de arranjar amizades era no virtual, pois no dia-a-dia tinha dificuldade também. Como adorava falar com várias pessoas, já tive minha fase de adicionar várias pessoas por dia, e o bom é que normalmente eu fazia amizade com cada uma.
Com o passar do tempo, muitas ficaram sendo amizades verdadeiras e acabei me relacionando com outros, porém quando era para se encontrar pessoalmente, desistia.
Já na faculdade, com meu ‘problema’ de timidez super melhorado, tinha superado essa fase só de fazer amizades ou arranjar relacionamentos virtuais. Porém, o que eu não esperava era que encontraria o meu atual namorado desta forma, ou melhor, ele me encontraria.
Ele começou a fazer um curso numa cidade que fica à 15min da minha, e como não conhecia ninguém, resolveu procurar num site de relacionamento (Badoo, primeira pessoa que eu conheço que encontrou alguém por lá!) pessoas desta região. E foi ai que ele me encontrou, e me adicionou.
Conversa vai, conversa vem, e em menos de 2 semanas a gente já estava se encontrando. Sabe quando prece que não daria em nada, alguém com uma realidade totalmente diferente da sua, e da mesma forma tudo parece encaixar perfeitamente? Foi assim que aconteceu comigo.
Porém, ele teve que voltar para a cidade dele, pertinho da capital e a 4 horas de mim. E assim tivemos que voltar para o virtual, mesmo não sendo algo tão bom, afinal bate aquela super saudade né!? Mas estamos conseguindo manter o relacionamento firme e forte, passando por todos os desafios que a vida coloca, e este mês vamos fazer 1 ano e 6 meses juntos. No mundo de hoje, não é um número mais tão fácil de conseguir eu acho.
Fico feliz do quanto à internet fez pra mim, pra minha vida.

                                   Feliz dia dos namorados para quem tem um. :}
                                                             Beijos e até. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário