Olá! Sou a Nathália Ferreira. Criei esse blog para mostrar um pouco do que gosto, como: fotografia, decoração, filmes, livros, seriados, músicas e várias outras coisas que vocês verão com o tempo. Futura designer de interiores e/ou fotógrafa. SEJAM TODOS BEM - VINDOS.




Facebook

Pesquisar

Instagram

Veja Também!



Poemas por André Neto


Algum tempo atrás comecei a postar os poemas do André Neto aqui, e como tinha dito no post, ele é colega de trabalho da minha mãe e  escreve lindos textos, poemas. Já postei vários aqui e de um tempo para cá envolvida com outras coisas acabei me esquecendo de postar mais, e agora que me lembrei e então  fui dar uma olhadinha no facebook dele e está recheado de novos poemas, então resolvi fazer esse post com alguns deles. Recomendo que leiam, são bem fofos e lindos.  (Créditos ao André Neto)

"Tuas lágrimas transbordavam em teus olhos e isso fazia com que a dor que sentia em teu peito transparecesse.
Tua boca fechada pressionando os teus dentes uns contra os outros, na tentativa de amenizar àquela dor que tomava posse de teu corpo.
Teus sentimentos feridos fluíram ali, e ela não conseguiu suportar a dor.
Compôs uma melodia afável aos teus ouvidos, pela última vez."

"E arrancaram-lhe as asas.
Eles não podiam voar e ao ver alguém com dons especiais, os invejosos olhos a reprimiram e disseram ser algo do maligno.
Roubaram teu ser e com isso tua essência fora perdida.
Sofreu, pois os teus sonhos caíram por terra.
E em meio a espinhos que machucavam teus pés, caminhou; porque os teus sonhos agora estavam ali.
À procura da felicidade, do teu novo eu, o ser perdido."

"E ele só queria correr, fugir daquele lugar sombrio.
Queria apenas encontrar a luz dos teus sonhos, a luz que um dia o iluminara com tamanha densidade.
Mas não, ele não podia, pois quem faz o nosso destino, somos nós e ele já havia feito o dele.
A dor que sentia em teu peito era intensa, às lagrimas escorriam em tua face e os teus lábios tremiam.
Teu corpo inerte, sem reação.
E o pensamento de que tudo terminaria bem."

"O teu corpo esvaecia ao tentar se levantar, o teu coração quebrantado estava por amar.
A dor que sentia vinha sem hesitar, as lágrimas caíam sem ela deixar.
Desejava correr para algum lugar, mas fraca estava não podia arriscar.
Tua boca em si anseia em gritar; mas rouca estava, conseguia apenas balbuciar.
Cansada está apenas em pensar, teus sentimentos feridos não tem como disfarçar.
Teu semblante alegre não mais irá voltar, por culpa daquele que não soube te amar."

9 comentários:

  1. Como acabei de conhecer seu blog (e amar) eu ainda não conhecia ele, achei tão legal os poemas e legal o fato dele trabalhar com sua mãe, né?!

    pequenos-exageros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aah que bom que gostou do blog, volte sempre hein?
      Sim, sim os poemas dele são demais é bem lega sim. :))
      Beijos

      Excluir
  2. Ah que lindo! Como eu queria ter inspiração pra fazer pemas assim,acho que vou tentar! Me deu uma leveza os poemas dele :3

    Aah,curti sua fan page *--* Mil beijos
    http://viivaseussonhos.blogspot.com.br/2013/12/resenha-maldicao-do-tigre-colleen-houck.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenta e me manda por e-mail, hehe, quero ler, haha.
      Beijos e obrigada. ^^

      Excluir
  3. Seu blog é lindo ^^ Te convido a vim conhecer meu,vem?
    http://espacoteencomanaliasantos.blogspot.com.br/
    Espero você lá ♥
    Beijos♥

    ResponderExcluir
  4. Ah cara, amei o primeiro poema! Ele escreve muito bem, mesmo.
    Beijão,
    http://destemidagarota.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Ain *--*
    Que perfect, amei ♥

    http://historiaimperfeita.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Amei o poema *-*

    http://lebredemaio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir