Olá! Sou a Nathália Ferreira. Criei esse blog para mostrar um pouco do que gosto, como: fotografia, decoração, filmes, livros, seriados, músicas e várias outras coisas que vocês verão com o tempo. Futura designer de interiores e/ou fotógrafa. SEJAM TODOS BEM - VINDOS.

Facebook

Pesquisar

Instagram

Veja Também!



Tristeza, era o que ele sentia todos os dias[...]


"..Tristeza, era o que ele sentia todos os dias. Quem o conhecia ou o via em algum lugar, jamais imaginaria que ele fosse uma pessoa infeliz.
Certo dia conhecera ele uma linda mulher; mulher que mudara a tua vida e os teus sonhos. Começara ele a trilhar bons caminhos e acreditar nas pessoas que o rodeavam. Após um tempo a mulher o deixou e os teus sonhos e a tua vida caíram por terra! Brincadeiras, intimidades, promessas... Não passavam de uma farsa.
Continuaram se falando, mas como amigos. Ele tinha esperanças, ele acreditava que um dia poderia abraçá-la, acreditava que um dia poderia tocar em tuas mãos ao menos uma vez e olhar em teus olhos, teus lindos olhos.
Dizendo frias palavras ela partiu, não sabia o real motivo dele estar agindo de forma estranha.
Foi difícil pra ele, pois ele ainda a amava. E erguendo tuas mãos aos céus ele chorou e abrindo os braços ele imaginou ela o abraçando. Teu coração acelerado e o pensamento de que jamais poderia realizar o teu grande sonho.
Ele apenas a viu partir, não podia alcançá-la e tua voz jamais chegaria aos teus ouvidos.
Perdido mais uma vez se encontrava, tua voz rouca quase não se podia ouvir. Desejou morrer, mas isso seria fácil demais. Escolhera ele vagar por entre a vida, sofrer, se embriagar na solidão do teu mundo.
Chorou, e na dor encontrou o real significado da tua vida. Viveu intensamente no mundo que criara, e ao retornar à realidade, sofreu, ao lembrar-se dela mais uma vez."

                                                                      - André Neto

Nenhum comentário:

Postar um comentário